Planejamento de viagem: preciso ser rico para conhecer vários países?

Quando algumas pessoas souberam dos nossos planos de viajar o mundo várias perguntas surgiram: vocês ganharam na loteria? receberam alguma herança? são filhos de pais ricos? E a resposta era sempre: “quem dera!”. Os amigos mais próximos sabem o quanto nos dedicamos para planejar esta viagem e fazer tudo caber em um orçamento bem reduzido. Com base neste tempo de preparação podemos responder à pergunta que não quer calar: tenho que ser milionário para viajar por vários países?

b (13)

Primeiro é preciso destacar que existem estilos de viajantes e viagens. Tem aqueles que preferem não se preocupar com a “dor de cabeça” do planejamento e ter todo o roteiro traçado por outras pessoas. Neste caso é só fazer as malas e se divertir já que tudo estará definido: passagens, passeios, reservas no hotel e em restaurantes. Esta é a maneira mais tranquila para viajar e também a mais cara, já que todo o serviço de planejamento e organização é feito por agências. Tem também aquelas que não abrem mão do conforto: querem se hospedar no melhor lugar, comer nos melhores restaurantes, fazer passeios pagos…Não questionamos este tipo de viagem, mas não é o nosso estilo.

A forma que optamos é mais trabalhosa e, com certeza, mais econômica. Pesquisa é a palavra mágica para poupar uma boa grana e tudo hoje pode ser encontrado na internet. Aí que entra a parte da ralação, já que será preciso paciência para acessar várias vezes os sites das companhias aéreas e de buscadores de passagens aéreas, por exemplo. Curiosidade para encontrar a hospedagem mais em conta e ao mesmo tempo mais próxima aos pontos turísticos. E um pouco – ou muita – “avareza” para organizar os passeios aos pontos turísticos em horários com desconto ou em dias que são gratuitos (casos de alguns museus, por exemplo, que tem entrada livre em dias específicos). Será preciso também despojamento, já que preços menores podem ser sinônimos de pouco conforto (caso de hostels em que será preciso dividir um banheiro com dezenas de pessoas).

Foi depois de muita pesquisa que decidimos comprar a passagem de saída do Brasil para esta viagem. Nosso objetivo era chegar à Europa da forma mais econômica e a passagem mais em conta partia de São Paulo para Madrid. Não contentes, continuamos a procura. Até que um dia, em um buscador, encontramos passagens para Londres saindo de São Paulo, por cerca de 1200 R$ cada. E pra ajudar, o vôo faria conexão no Marrocos (Esticamos a conexão por cinco dias). Foi com estas passagens que conhecemos dois países por um valor beeem legal!

Outra alternativa que vai nos ajudar a economizar bastante é a hospedagem na casa de moradores locais. Este movimento é muito comum na Europa e existem diversos sites que promovem o encontro de pessoas que desejam receber viajantes e turistas que buscam lugar para ficar. A troca pode envolver algum tipo de trabalho (caso de sites como o workaway ou o helpx) ou simplesmente a oportunidade de intercâmbio cultural (sites como o couchsurfing). Vamos falar deste tipo de acomodação mais para frente!

Existem várias maneiras de viajar com pouco dinheiro: pegando carona, andando de ônibus entre países, dormindo em acomodações compartilhadas, comendo na rua, etc. Sair da zona de conforto é legal, vai por nós!

Anúncios

Publicado em 29 de junho de 2015, em Dicas, Viagem e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Nossa super amei!!!! Vcs estão fazendo o q acho de mais bacana nessa vida!! Enriquecendo a bagagem mais preciosa que temos(experimentar novos sabores). Essa vivência, trocas de experiências e o melhor: a REALIDADE de cada local visitado …nossssssaaa sem palavras descrever esses momentos!! Parabéns pela iniciativa e coragem!! Boa sorte… e vou ficar aqui “viajando” juntinho de vcs!!!

    Curtido por 1 pessoa

    • Olá Aandrea. Muito bom saber que você está gostando e que nossa aventura pode inspirar outras pessoas. Viajar, assim por conta, é trabalhoso, mas também muito satisfatório quando tudo que planejamos da certo. Ainda são menos de 30 dias na estrada, mas tudo o que já vimos e experimentamos rende boas horas de papo em uma mesa de bar! Continue conosco e se quiser divulgue nosso blog! Gratidão

      Curtir

  1. Pingback: Fomos de ônibus da Inglaterra para a França. Sim, isso é possível! | Prazer, mundo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Sabine Freitag

sabine freitag :: bild I text I interaktion

Mundiando

Por Dan Rodrigues

Mundo da Marilyn

"A maior aventura que você pode ter é viver a vida dos seus sonhos..."

Blog Rent a Local Friend

Live The Local Spirit of Different Cities!

Viagem: Na Ponta do Lápis

Blog de viagens com dicas de alimentação, hospedagem e roteiro

My Wonderland

Maria França

Bianca Coutinho

SEJA BEM VINDO(A), CONHEÇA MAIS SOBRE SAÚDE E BEM ESTAR, RECEITAS E SEGREDOS DA COZINHA

Londres Pra Você - guia brasileira em Londres

Guia brasileira em Londres - passeios personalizados em português

Vagando Por Aí

Saia da zona de conforto

Comer, beber, viajar

Um blog sobre as coisas boas da vida

Viajante Independente

Dicas e relatos de viagem baseados em fatos reais. O melhor canal de viagens do YouTube.

Vamos Fugir

Viaje mais gastado menos - O Vamos Fugir traz destinos de viagem, histórias e dicas para você conhecer lugares incríveis sem gastar mais do que o necessário

%d blogueiros gostam disto: